Viajar de moto é uma experiência única. Para as mulheres, uma boa dose de estrada e vento no rosto podem trazer uma incrível sensação de liberdade e muito empoderamento!

Para fazer uma viagem tranquila, sozinha ou acompanhada, é essencial se planejar bem e tomar algumas precauções, especialmente com a segurança. Além disso, saber como compactar a bagagem e não descuidar da pele e cabelos também é essencial! Para quem quer cair na estrada, mas está faltando um pouquinho de coragem, ai vão algumas dicas!

Escolha a moto ideal

Embora não existam motos planejadas exclusivamente para mulheres, você pode considerar um modelo que seja ideal para o tipo de viagem que você deseja fazer.

Procure também escolher uma moto que se adapte ao seu tipo físico e a sua maneira de pilotar. Lembre-se que de nada adianta ter uma custom lindíssima, se ela te dá dores nas costas ou nos braços.

Planeje sua rota

Planejamento é o segredo de toda boa viagem! Quem ter um bom roteiro não perde tempo com mapas, GPS e nem paradas em postos para pedir informações. Por isso, escolha a data da sua viagem e já separe os lugares por onde quer passar, reserve a hospedagem e pesquise o melhor trajeto antes de pegar a estrada.

Tá insegura? Procure sua turma!

Cada dia existem mais mulheres viajando de moto, por isso vale a pena encontrar seu clube da Luluzinha ou juntar as amigas e seguir. Certamente um grupo vai te trazer muita inspiração, coragem e também risadas!

Outros detalhes de segurança que fazem a diferença: nunca pilote durante a noite e avise sempre alguém da sua confiança para onde você está indo, deixando sempre os telefones de contato.

Antes de cair na estrada

Antes de cair na estrada, o ideal é sempre fazer uma revisão básica, checando pneus, óleo e freio. Verifique também o equipamento de segurança, tais como piscas e luzes.

Se a viagem for longa, vale a pena considerar uma “vacina de pneu” (líquido anti furos).

Leve com você um bom kit de ferramentas e uma pequena lanterna para eventuais problemas. Não se esqueça também dos seus documentos e os da moto, dinheiro para os pedágios, mapas atualizados e kit de primeiros socorros, além dos telefones de emergência das estradas.

Água para hidratar e uma barrinha de cereais ou um chocolatinho para dar aquela energia sempre vão bem!

Caso você não esteja muito familiarizada com sua moto, considere também levar o manual dela.

Bagageiros

Sim, é difícil maneirar na quantidade de roupas e sapatos, especialmente se você é do tipo mais fashion. Porém viajar leve é essencial, até para ter um melhor desempenho na estrada e gastar menos combustível.

Como você já deve ter percebido o bagageiro é pequeno. Por isso, leve somente o necessário e priorize o vestuário para pilotar que inclui jaqueta com proteção, calça com proteção, botas apropriadas, luvas, capa de chuva, balaclava e óculos.

Para aproveitar bem o espaço, sem perder a vaidade, você pode reduzir todos os seus itens de favoritos como shampoos, cremes e perfume em pequenos frascos. Leve também muitos lenços, brincos e acessórios que são pequenos de guardar e podem mudar o look completamente, até mesmo considerando um jeans e uma bela camiseta.

Na hora de arrumar, procure fazer pequenos rolinhos com as peças para ter mais espaço e priorize as bolsas internas para roupas íntimas.

Para não ter que ficar arrumando e desarrumando o bagageiro todo tempo, procure deixar em cima o que você mais usa.

Sol, cabelos e corpo

O sol e o capacete costumam abafar os cabelos e detonar com os fios. Para protege-los, você pode usar um bom lenço como proteção. Para evitar que os cabelos embaracem com o vento, o ideal é pilotar com a cabeleira presa. Um bom rabo de cavalo ou uma trança podem combinar super com o visual.

Ah! E não esqueça o protetor solar e o protetor de lábios, pois o vento costuma rachá-los.

Pronto, com essas dicas você já tem mais motivos para cair na estrada e aproveitar! Que mulher que não merece a liberdade, não é mesmo?

Gostou dessas dicas? Tem vontade de se unir a mais mulheres viajando de moto? Deixe seus comentários abaixo!