Esta notícia mexeu com os fãs da marca americana ao redor do globo. Alguns estão animados com as mudanças, enquanto outros esbravejam opiniões contrárias.

Bayer, do Old Dog Cycles, escreve em um de seus posts:

“A Internet parece ter sido quase unânime em seu veredito: a nova linha 2018 não agradou. Para muitos, o motor Milwaukee 8 tem mais a ver com as japonesas e com a Victory, do que com os amados V-2 a ar. Para outros, as mudanças de chassi e dirigibilidade só seriam interessantes se a Harley-Davidson tivesse mantido o seu visual clássico.
Infelizmente, essas motos não foram feitas para os tradicionais fãs da marca: elas são, mais uma vez, uma tentativa de atrair novos fãs.
Você já ouviu o velho argumento de que os baby-boomers são o maior público da marca, que eles estão envelhecendo e deixando de andar e por isso a Harley-Davidson precisa atrair os mais jovens, além das mulheres e algumas minorias (nos EUA) que nunca foram o foco da empresa.
Isso é algo tão importante para a estratégia da Harley-Davidson que se tornou a principal meta da empresa para os próximos 10 anos.”

Recentemente a marca anunciou o lançamento de novas motos para o ano que vem. A Harley Davison renovou completamente os modelos de cruisers Big Twin, agora todas com o novo motor Milwaukee-Eight e acabou unindo os modelos de Dyna e Softail para um novo quadro Softail, isto quer dizer “Adeus, Dyna” (pelo menos por enquanto).

Novos motores e Chassi

Toda a nova linha de Softail da Harley contará com um novo chassi, além do novo motor Milwaukee-Eight V-twin, que possui 4 válvulas por cilindro e potência de 107 polegadas cúbicas (1750cc) na maioria dos modelos e 114 polegadas cúbicas (1870cc) em modelos especiais.

O Milwaukee-Eight será montado sem o uso de coxins, sendo fixado diretamente no chassi, algo que poderá influenciar na rigidez do conjunto. Todas as motos possuirão suspensão regulável na traseira (e seu amortecedor único, desta vez, estará escondido sob os assentos) e houve também melhorias na suspensão dianteira. O novo quadro é mais moderno e limpo, mais rígido e com menos soldas o que irá conferir maior estabilidade e ciclística.

Design mais leve e curvas mais fechadas

Todas as Softail da nova coleção também estão mais leves, com redução no peso total em até 16 quilos, o que poderá resultar em motocicletas mais fáceis de manobrar, mais econômicas e com maior poder de frenagem

[Leia também “Confira o top 4 de motos Harley Davidson icônicas”]

O novo quadro das Softail também promete melhor performance nas curvas, alguns modelos foram de 24 para 27 graus de inclinação e algumas, como a Fat Bob por exemplo, alcançou até 31 graus de inclinação. Em alguns modelos, a Harley-Davidson conseguiu igualar a inclinação para curvas em ambos os lados.

Para conferir ainda mais os novos modelos que chegam ao mercado em 2018, vale a pena conferir o vídeo.

E aí? O que achou da nova coleção Softail 2018 da Harley? Ama Harleys, mas não sabe como escolher o modelo ideal para você? Então, não deixe de conferir essas dicas.